10/06/2024 às 20h16min - Atualizada em 11/06/2024 às 00h02min

SKIPP is DEAD lança clipe inspirado em Star Wars e séries japonesas

Artista une referências inspiradas no retrofuturismo no curta que conta com participação da cantora YMA

JULIA OURIQUE
OrBe Comunicação
SKIPP is DEAD - Crédito: Divulgação


 

Um curta com ares de videoclipe, “Infected Skies” é dividido em três capítulos e que marcam a apresentação do personagem Skipp, o pirata espacial que dá nome à banda SKIPP is DEAD. Na trilha sonora, as músicas “Endless Nights”, com participação da cantora YMA, e “MARS”, que trazem o indie rock com pitadas de ritmos do Amapá e do Caribe, com camadas de chiptune e caribenhas. O vídeo já está disponível no canal do YouTube da banda. Assista ao clipe: https://youtu.be/dWksug4MGK8

 

Esta é a primeira vez que o pirata espacial chamado Skipp aparece em uma missão contra a - malvada - Corporação H3, que domina o universo em prol do lucro. Criar este vídeo, com toda essa produção e esta estrutura narrativa era um sonho antigo do artista amapaense, que conseguiu realizar o objetivo graças à ajuda de amigos dedicados.

 

“O projeto SKIPP is DEAD pra mim sempre foi sobre um universo narrativo fantástico, onde cada timbre e cada escolha tem um contexto narrativo. As músicas tem muitas referências dos sons da minha terra (Macapá/AP), mas também de trilhas sonoras de jogos eletrônicos da era do Gameboy, o que me encanta e acaba conversando com uma estética levemente retrofuturista como a de Star Wars, que tentei imprimir no clipe. Fico feliz de finalmente conseguir produzir uma peça narrativa audiovisual mais concreta em termos de roteiro e execução, mesmo com pouca verba, sinto que pode servir como porta de entrada para produções mais pesadas.”, explica Skipp, vocalista e idealizador do projeto.

Na peça audiovisual dirigida por Luiz Corrêa, o pirata espacial Skipp narra uma missão que traz referências de Tokusatsu, retrofuturismo, Star Wars, Matrix, entre outros.

 

O Skipp chegou pra mim com um conceito e estrutura de personagem muito bem definidos. O grande desafio era superar o baixo orçamento, descobrir como jogar com a estética a nosso favor e criar um universo sci fi.  A parte mais legal foi trazer referências que fizeram a nossa infância como a linguagem dos Tokusatsu japoneses. Pra gente que cresceu vendo Jaspion, Power Rangers, Lion Man, dentre outros, poder brincar com a estética e narrativa dos caras… foi realmente divertido”, elogia Luiz Corrêa.

 

A sonoridade de SKIPP traz fortes influências do indie rock dos anos 2000, e também a linguagem chip tune. Sem esquecer suas raízes amapaenses, o músico acrescenta o batuque e o marabaixo. Como se coletasse referências em múltiplos universos, Skipp vai de Ziggy Stardust até Koji Kondo, um dos maiores compositores da Nintendo. Ouvintes atentos irão captar a influência de Super Mario Bros, Zelda e tantos outros clássicos.

 

O clipe e curta “Infected Skies”, da banda SKIPP is DEAD, inclui as músicas: “Endless Nights” feat. YMA e “MARS”, e conta com roteiro de Skipp e Luiz Corrêa, com direção do último. A fotografia é de Fabrizio Toniolo e Luiz Corrêa, com câmera operada por Henrique Rama Cardoso. A montagem é de Luiz Corrêa, enquanto o áudio é de Skipp e Colinz, com narração de Vini Wolf. O VFX é de Marcelo Borin, com props e modelagem 3D de Augusto Jahvacorp e Skipp. Os efeitos práticos são de Mariah Caetano, já o adereço cabeça de boi é de Bruno Cauê. 

 

O figurino é de Lis Santos e Ruy Anjos, com maquiagem de Buzz Darko e coreografia criada por Daniel Fusco. Fazem parte do elenco: Skipp (Clone), YMA (Virus.exe) e Daniel Fusco e Colinz (Agente H3). Participam também: André Blumel, Bruno “Tek.Noir” Nunes, Bruno Carnovale, Buzz Darko, Daniele Tavares, Dhyan Victor, Elis Santos, Henrique Abelha, Ivan Ratolivre, Jéssica Leal, Kalebe Barros, PPher, Sérgio O Estranho e Skipp. Agradecimentos: Marcel Woo, Eduarda Ribeiro, Matraca Records, D'Ouro Antigo, Patrícia Bastos, Picles, Humans and Aliens, The Mariah. 

 

A banda SKIPP is DEAD conta com Skipp (voz), Colinz (guitarras), Vinícius Scarpa (baixo), Leon Sanchez (synth) e Marco Trintinalha (bateria). 

 

Acompanhe SKIPP is DEAD

 

Facebook: facebook.com/skippisdead 

Instagram: instagram.com/skippisdead 

YouTube: https://www.youtube.com/channel/UCAxZ1dZLZASsd4V8hGr4M0w 

Spotify: https://open.spotify.com/artist/3qMv87xCyzZHW8MxfYiXKS


 

Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
JULIA CAROLINA DO NASCIMENTO SANTOS
[email protected]

Notícias Relacionadas »
Quer anunciar e
posicionar melhor
sua marca?
Clique para
divulgar já!🤝
Atendimento
Fale conosco pelo WhatsApp agora!