29/06/2023 às 18h47min - Atualizada em 01/07/2023 às 00h01min

“Perversa” monólogo inédito escrito pela dupla carioca Mônica Bittencourt e Gustavo Rocha estreia em São Paulo

Atuação de Mônica Bittencourt, no Pequeno Ato Teatro, Montagem trata do aniquilamento do amor com humor, cinismo e perversidade

SALA DA NOTÍCIA Adriana Monteiro/Ofíciodasletras
Fotos de Ana Alexandrino/ Bruna Fraga https://drive.google.com/drive/folders/14sOdiaMYg1Pm9wNion7S2axcNyZnFjyp?usp=sharing

https://drive.google.com/drive/folders/14sOdiaMYg1Pm9wNion7S2axcNyZnFjyp?usp=sharing
PERVERSA propõe um mergulho na temática do amor, sobretudo nos relacionamentos contemporâneos, nas dificuldades de construí-los ou nas tendências em aniquilá-los. Em curta temporada de dois fins de semana, no Teatro Pequeno Ato, a partir de 01de julho, o espetáculo explora as diversas camadas da personalidade da personagem levando a plateia a questionar o que é ficção ou realidade.

Para o diretor Gustavo Rocha, a dramaturgia de PERVERSA é como um enigma, um quebra-cabeça a ser montado pelo público. No entanto, antes que a última peça seja colocada, a história se embaralha novamente revelando um final surpreendente.

O monólogo, coescrito por Mônica Bittencourt e Gustavo Rocha, parceiros artísticos de longa data, se utilizou de diversas fontes de pesquisa, incluindo séries como Fleabag, Twin Peaks, Dhamer - Um Canibal Americano e Mindhunter, além de literatura contemporânea feminina, como as obras da argentina Ariana Harwicz, das americanas Lisa Taddeo e Mary Gaitskill e das brasileiras Carola Saavedra, Fernanda Young, Tati Bernardi e Aline Bei. Em relação aos temas do amor e feminilidade, eles se debruçaram sobre as escritas de Ana Suy e Bell Hooks. Roberto Bolaño e Julio Cortázar também serviram de inspiração.

“Eu e Gustavo criamos “Perversa” para falar das relações fugazes, da nossa dificuldade de ser vulnerável e trouxemos tudo o que era mais inconfessável para o palco. É quase impossível a plateia não se identificar”, conta Mônica.
Sinopse:
Dirigida por Gustavo Rocha, a peça é um monólogo em que a personagem principal interpretada pela atriz Mônica Bittencourt conduz a narrativa de seus amores e desamores, levando a plateia a questionar a veracidade de sua personalidade, que se desdobra em diversas camadas e mistura realidade e ficção. Com o cenário composto apenas por cadeiras, a arquitetura cênica é construída como um jogo de xadrez.

Sobre a dupla:
Mônica Bittencourt – atriz e autora
Mônica Bittencourt, atriz há 20 anos, faz seu primeiro monólogo depois de uma carreira entre Salvador e Rio de Janeiro, com espetáculos como “Todo Mundo tem Problemas Sexuais” de Domingos Oliveira, que ficou oito anos em cartaz, “Policarpo Quaresma” que venceu diversos prêmios e espetáculos do seu repertório junto com Gustavo, como “Catástrofe da Borboleta” que lhe rendeu o prêmio de melhor atriz na Argentina. Mônica também participou de diversas obras no audiovisual. Nos últimos anos, Mônica também se dedicou à Rádio Roquette Pinto apresentando um programa cultural diário e um outro semanal sobre o teatro carioca. PERVERSA marca sua volta aos palcos.
Gustavo Rocha – autor e diretor
Gustavo tem 25 anos de trabalho e pesquisa como ator, autor e diretor de teatro. Como diretor artístico da Companhia Teatro de Demolição nos últimos 16 anos, criou e encenou 7 espetáculos autorais que circularam pelo Brasil, América Latina e Europa, realizando temporadas, participando de festivais e recebendo inúmeros prêmios.
 
Ficha Técnica
Atuação: Mônica Bittencourt
Direção: Gustavo Rocha
Dramaturgia: Mônica Bittencourt e Gustavo Rocha
Cenário: Hélvia Bittencourt
Iluminação: Paulo Cesar Medeiros
Direção musical: Isadora Medella
Produção: Joana D´Aguiar
Arte Gráfica: Natália Del Neri
Figurino e maquiagem: Diego Nardes
Fotos: Ana Alexandrino/ Bruna Fraga
Assessoria de Imprensa: Adriana Monteiro/Ofício das Letras
 
SERVIÇO:
Onde: Pequeno Ato Teatro
Rua Dr. Teodoro Baima, 78 - Vila Buarque, São Paulo - SP, 01220-040
 (11) 99642-8350

Quando:  01/07 a 16/07
Dia/Hora: sábados e domingos, às 18h. 
Classificação: 18 anos
Capacidade:  40 lugares
Gênero: comédia dramática
Duração: 80 minutos
Ingressos: R$ 40 inteira/ R$ 20 meia 
Instagram: @perversateatro

Assessoria de Imprensa | Ofício das Letras
Adriana Monteiro
(11)
9.9481-7953
[email protected]
 



 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Quer anunciar e
posicionar melhor
sua marca?
Clique para
divulgar já!🤝
Atendimento
Fale conosco pelo WhatsApp agora!