23/03/2023 às 20h45min - Atualizada em 24/03/2023 às 00h00min

ABRAIDI e KMDIA discutem parcerias para fomentar comércio internacional de dispositivos médicos entre Brasil e Coréia do Sul

O país asiático é um grande consumidor e exportador de produtos de diagnóstico in vitro, sistemas de ultrassom e produtos de ortopedia

SALA DA NOTÍCIA DOC Press Comunicação
https://abraidi.com.br/

Davi Uemoto da ABRAIDI e Sunny Woo da KMDIA
A Associação Brasileira de Importadores e Distribuidores de Produtos para Saúde (ABRAIDI) reuniu-se com a Korea Medical Devices Industry Association (KMDIA), nesta quarta-feira (23), para discutir a possibilidade de parcerias e fomentar o comércio internacional de dispositivos médicos entre empresas dos dois países.
O representante da ABRAIDI, Davi Uemoto, que viajou a Seul a convite da Korea Trade-Investment Promotion Agency (KOTRA), conversou com a chefe da área de assuntos internacionais da KMDIA, Sunny Woo, sobre a estrutura das associações, dos mercados e a possibilidade de realizar reuniões de business matchmaking entre empresas das duas entidades. “O business matchmaking é uma estratégia de aproximação entre empresas que têm interesses em comum, com o objetivo de estabelecer parcerias, realizar negócios e expandir mercados” explica Uemoto.
Durante a reunião, os executivos também abordaram a participação expressiva da KMDIA na Coréia do Sul, que conta com uma equipe de 40 pessoas cuidando de mais de 1000 empresas associadas, representando 60% do mercado de produção local e mais de 80% das empresas importadoras.

Foi pauta também do encontro a possibilidade de fomentar o comércio internacional de dispositivos médicos entre Brasil e Coréia do Sul. O país asiático é um grande consumidor e exportador de produtos de diagnóstico in vitro, sistemas de ultrassom e produtos de ortopedia, “o que representa uma grande oportunidade para as empresas dos dois países”, vislumbra o representante da ABRAIDI.
Os executivos concordaram que esse tipo de contato é importante para avaliar ambos os mercados e identificar sinergias entre empresas das duas nações. Como próximos passos, a ABRAIDI e a KMDIA irão mapear as principais oportunidades para fomentar o comércio internacional de dispositivos médicos entre Brasil e Coréia do Sul, em conjunto também com a KOTRA.

Conferência internacional
No mesmo dia, o representante da ABRAIDI participou da cerimônia de lançamento da Conferência Global Medical Equipment Plaza (GMEP), que contou também com um jantar de networking. O fórum teve participação da diretora da área de Lifesciences da KOTRA, Dahee Jeong, além de lideranças do Ministério da Indústria, Comércio e Energia da Coréia do Sul.
“Foi uma ótima oportunidade para conhecer o arcabouço regulatório do país asiático, da Europa e Argentina, uma vez que a mesa do jantar estava repleta de representantes de diversos continentes. Pudemos trocar informações sobre os respectivos mercados e os desafios e as particularidades de cada região”, destacou Davi Uemoto.
Na ocasião, foram também apresentados cases de tecnologias inovadoras de empresas da Coreia do Sul. Nesta sexta-feira (24), Davi Uemoto fará uma palestra, representando a ABRAIDI na Conferência GMEP. O executivo abordará estratégias e desafios de acesso ao mercado brasileiro de dispositivos médicos.
 


Tags »
Notícias Relacionadas »
Quer anunciar e
posicionar melhor
sua marca?
Clique para
divulgar já!🤝
Atendimento
Fale conosco pelo WhatsApp agora!