19/07/2023 às 08h28min - Atualizada em 20/07/2023 às 00h02min

Os outros: Falta de comunicação é o principal problema em condomínios

No Brasil, quase 70 Milhões de pessoas vivem em unidades como a da série

Antônia Pereira

Reprodução/Globoplay

De acordo com informações da colunista Patrícia Patrícia Kogut, do jornal O Globo, a série Os Outros já é a mais assistida da plataforma de streaming Globoplay, onde está disponível. A trama é ambientada num condomínio da Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro e começa a esquentar quando os filhos dos personagens interpretados pela atriz Adriana Esteves e  Milhem Cortaz, que acaba levando a uma série de atritos. Problema este que, para além da ficção, é mais comum do que se imagina. 

Atualmente, existem, de acordo com a Associação Brasileira de Síndicos e Síndicos Profissionais (Abrassp), existem cerca de 68 milhões de pessoas que vivem em condomínios no Brasil.  Essa forma de moradia tem ganho cada vez mais espaço no país e são famosas por reunir unidades residenciais ou comerciais em um mesmo local, compartilhando áreas comuns e serviços. 

Esse agrupamento de pessoas em um só lugar, ainda que divididas em apartamentos, pode ser benéfica por um lado, o principal deles a segurança por estarem todos envoltos de muros altos e câmeras 24h, mas também podem trazer uma série de problemas. O principal deles está na falta de comunicação entre os vizinhos, o que acaba acontecendo na série, cuja direção artística é de Luisa Lima.

Por conta disso, nossa redação trouxe os principais problemas enfrentados pelos condôminos em todo o país, até para mostrar que as situações vividas em “Os Outros” são mais comuns do que se imagina. Veja os destaques:

Principais desafios enfrentados nos condomínios brasileiros

Apesar de oferecer diversos benefícios, a vida em condomínio pode promover uma série de desafios. Vamos ver os principais a seguir!

Gestão e administração de condomínios

A gestão e administração de condomínios demandam um conjunto de habilidades e conhecimentos específicos. É necessário lidar com questões burocráticas, como contratos e documentos legais, além de gerenciar recursos financeiros e garantir a manutenção adequada das áreas comuns.

Conflitos entre condôminos

A convivência em condomínio envolve a interação diária entre os moradores, o que pode gerar conflitos. Disputas relacionadas ao uso de áreas comuns, barulho excessivo, questões de vizinhança e divergências pessoais são exemplos de conflitos comuns que podem ocorrer.

Manutenção predial e infraestrutura

A manutenção predial e a conservação da infraestrutura são essenciais para garantir a segurança e o bom funcionamento do condomínio. Problemas como vazamentos, falhas elétricas e desgaste de estruturas devem ser identificados e corrigidos de forma eficiente.

Segurança condominial

A segurança é uma preocupação constante em condomínios, especialmente em grandes cidades. É necessário adotar medidas de segurança adequadas, como a instalação de câmeras de monitoramento, controle de acesso e a contratação de profissionais especializados.

Inadimplência e gestão financeira

A inadimplência é um problema recorrente em condomínios, pois afeta diretamente a arrecadação de recursos para manutenção e melhorias. Uma gestão financeira eficiente, com controle rigoroso das contas e cobrança assertiva, é essencial para garantir a sustentabilidade financeira do condomínio.

Quais são os problemas mais comuns encontrados em condomínios no Brasil?

Além dos desafios mencionados anteriormente, existem problemas específicos que são frequentemente observados dentro dos condomínios brasileiros. É importante identificar esses problemas para buscar soluções adequadas. Alguns dos problemas mais comuns são:

Falta de participação e engajamento dos condôminos

Muitas vezes, os moradores não se envolvem ativamente nas questões do condomínio, o que pode gerar falta de engajamento e dificultar a resolução de problemas. É fundamental estimular a participação dos condôminos, por meio de assembleias, comissões e canais de comunicação eficientes.

Barulho e perturbação do sossego

O barulho excessivo é uma das reclamações mais comuns nesses empreendimentos. Ruídos provenientes de festas, obras, animais de estimação e atividades cotidianas podem causar desconforto e prejudicar a qualidade de vida dos moradores. Assim, é importante estabelecer regras claras sobre horários de silêncio e conscientizar os condôminos sobre a importância do respeito mútuo.

Questões relacionadas a animais de estimação

A presença de animais de estimação nos condomínios pode gerar polêmicas e conflitos. É necessário estabelecer regras claras quanto ao tamanho, quantidade e comportamento dos animais, garantindo o bem-estar de todos os moradores.

 

Uso inadequado de áreas comuns

O uso inadequado das áreas comuns, como academias e salões de festas, pode gerar conflitos e prejudicar a convivência nos espaços privados. Estabelecer normas de uso e fiscalizar o cumprimento dessas regras são medidas essenciais para evitar problemas.

Problemas com vagas de estacionamento

A disputa por vagas de estacionamento é uma fonte frequente de conflitos em condomínios. Dessa forma, é preciso estabelecer critérios claros para o uso das vagas, como a identificação dos veículos e a aplicação de multas para infrações.

Falhas na manutenção das áreas verdes e espaços de convivência

A falta de cuidado com as áreas verdes e espaços de convivência pode afetar a qualidade de vida dos moradores. É fundamental manter a manutenção adequada dessas áreas, como a poda de árvores, a limpeza de jardins e a conservação de equipamentos de lazer.

Como lidar com os problemas e promover uma convivência harmoniosa?

Para lidar com os desafios e problemas nos condomínios brasileiros, é possível adotar estratégias e medidas que promovam uma convivência harmoniosa entre os moradores. Algumas sugestões são:

Estabelecer regras claras e efetivas

É essencial estabelecer regras claras por meio da convenção condominial e do regimento interno. Essas normas devem ser comunicadas a todos os moradores e fiscalizadas de forma consistente, garantindo o cumprimento das mesmas.

Estimular a comunicação e o diálogo entre os condôminos

A comunicação aberta e o diálogo entre os moradores são importantes para resolver conflitos e buscar soluções conjuntas. Estimular a participação em assembleias, criar grupos de discussão e utilizar canais de comunicação eficientes são maneiras de promover um ambiente colaborativo.

Investir em segurança e monitoramento

A segurança é uma preocupação constante em condomínios. Investir em sistemas de segurança, como câmeras de monitoramento e controle de acesso, ajuda a inibir ações criminosas e proporciona mais tranquilidade aos moradores.

Contratar serviços de manutenção profissional

Uma manutenção adequada das áreas comuns é fundamental para garantir o funcionamento correto do condomínio. Contratar serviços de manutenção profissional, como limpeza, jardinagem e revisão do sistema hidráulico da piscina, como a bomba de piscina, filtro, drenos e etc, contribui para a conservação do empreendimento.

Promover a participação ativa dos moradores em assembleias e comissões

A participação ativa dos moradores nas decisões dessas propriedades contribui para a criação de um senso de pertencimento e engajamento. Estimular a participação em assembleias, comissões e grupos de trabalho permite que todos ajudem com ideias e sugestões.

Implementar medidas para controle de inadimplência

Para garantir a saúde financeira do condomínio, devem ser implementadas medidas efetivas para o controle da inadimplência. Cobranças assertivas, negociações amigáveis e medidas judiciais, se necessário, podem ser adotadas para garantir o pagamento das cotas condominiais.

Buscar apoio de administradoras de condomínios especializadas

A administração de um condomínio pode ser complexa e demandar conhecimentos específicos. Buscar o apoio de administradoras de condomínios especializadas pode facilitar a gestão, fornecendo suporte profissional e expertise na resolução de problemas.

Benefícios de uma boa convivência

Uma boa convivência em condomínio traz diversos benefícios, como:

 

  • Melhora na qualidade de vida dos moradores;

  • Fortalecimento do senso de comunidade

  • Redução de conflitos e disputas;

  • Aumento da segurança e tranquilidade;

  • Valorização do empreendimento.

A importância da conscientização e do respeito mútuo

Para alcançar uma convivência harmoniosa em condomínios, é essencial que os moradores sejam conscientes e cultivem o respeito mútuo. Ao considerar as necessidades e os direitos dos outros, é possível criar um ambiente de convivência saudável e agradável para todos.

 

Todos devem colaborar para um ambiente mais harmônico, tanto para facilitar a gestão do condomínio, como para evitar que problemas mais sérios aconteçam. 


Notícias Relacionadas »
Quer anunciar e
posicionar melhor
sua marca?
Clique para
divulgar já!🤝
Atendimento
Fale conosco pelo WhatsApp agora!