28/07/2023 às 15h55min - Atualizada em 02/08/2023 às 14h31min

Pagú

Até Onde Chega a Sonda

Redação
Rodrigo Chueri


 

Depois do sucesso em suas temporadas anteriores, Martha Nowill reestreia o solo Pagú – Até Onde Chega a Sonda, no Teatro Vivo
 

Patricia Galvão - Pagú (autora homenageada da FLIP 2023) é o ponto de partida desse espetáculo, que conta com direção de Elias Andreato, dramaturgia assinada por Martha, feita a partir de um manuscrito inédito de PagúDuas mulheres tem suas histórias contadas. Pagú, em 1939, presa pela ditadura Vargas, na Casa de detenção. Martha, no auge do seu puerpério e da pandemia de 2021. A reestreia é dia 23 de agosto e tem curta temporada.

 

Um manuscrito, inédito até então, deixado pela escritora, poeta, feminista, desenhista, jornalista e militante Patrícia Rehder Galvão (Pagú) (1910-1962) é o ponto de partida para Pagú - Até Onde Chega a Sonda. O espetáculo tem direção de Elias Andreato e atuação de Martha Nowill - que também assina o texto. A peça estreou no final de 2022 no Sesc Pompeia com sessões esgotadas e fez uma segunda temporada de sucesso no Teatro Eva Herz, agora retorna aos palcos do TEATRO VIVO, com apresentações às quartas às 20h.

Sinopse
Em cena os dois femininos dividem e se misturam no espaço, o da atriz e o de Pagú. As personagens compartilham temas como machismo, maternidade, feminismo, suas angústias, alegrias e processos criativos. Com humor e auto-ironia, Martha coloca uma “lente de aumento” em fatos cotidianos, refletindo sobre a vida não só dela e de Pagú, mas de todas as mulheres.

Notícias Relacionadas »
Quer anunciar e
posicionar melhor
sua marca?
Clique para
divulgar já!🤝
Atendimento
Fale conosco pelo WhatsApp agora!