25/08/2023 às 14h18min - Atualizada em 29/08/2023 às 00h01min

Premiado em Veneza, o drama LGBTQIA+ “Lobo e Cão” estreia dia 7 de setembro nos cinemas pela FILMICCA

O filme é dirigido pela portuguesa Cláudia Varejão e recebeu da diretora Céline Sciamma o prêmio de Melhor Filme na Jornada dos Autores do Festival de Veneza

ATTi Comunicação
Divulgação


*** ASSISTA AO TRAILER: https://www.youtube.com/watch?v=f6XuYvC40Bw

Estreia no dia 7 de setembro nos cinemas do país, “Lobo e Cão” - primeiro longa de ficção da célebre diretora portuguesa Cláudia Varejão. O drama LGBTQIA+ recebeu o prêmio de Melhor Filme da mostra Jornada dos Autores, do Festival de Veneza, em um júri presidido por Céline Sciamma.

O filme narra a história de Ana – que nasceu em São Miguel, uma ilha no meio do Oceano Atlântico marcada pela religião e pelas tradições. É a filha do meio de três irmãos que vivem com a mãe e a avó. Ana percebeu cedo que as garotas têm tarefas distintas dos rapazes. Através da sua amizade com Luís, seu melhor amigo queer, que gosta tanto de vestidos quanto de calças, Ana questiona o mundo como foi lhe prometido. Quando sua amiga Cloé chega do Canadá, trazendo com ela os dias brilhantes da juventude, Ana embarca numa viagem que a levará a atravessar a linha do horizonte.

Com distribuição da Filmicca, “Lobo e Cão” foi assim descrito por Céline Sciamma e o Júri da mostra Jornada dos Autores, do Festival de Veneza 2022: “O mundo imersivo criado no filme nos envolveu no assunto importante, apresentando os personagens queer como eles são em seu espaço seguro. Descobrimos que os elementos de documentário contribuíram para a eficácia e autenticidade da narrativa. O júri também apreciou o fato de o filme não agradar ao espectador em sua representação franca, honesta e impactante de uma comunidade queer coesa. Nós, como júri, achamos que a mensagem desta história é extremamente importante e é um prazer conceder este prêmio ao merecido filme de Cláudia Varejão”.

O longa – que em outubro também estará disponível no streaming da Filmicca, é uma ode encantadora à comunidade LGBTQIA+ da ilha, com um brilho crepuscular que atravessa o imenso Oceano Atlântico O filme contou com a colaboração da escritora brasileira Leda Cartum no roteiro.

  

O QUE A IMPRENSA INTERNACIONAL ESTÁ FALANDO SOBRE O FILME

“Explora a dicotomia entre expectativas e ambições, numa busca incansável mas nunca gratuita de encontrar espaço para outras formas de ser, viver e existir.” Jorge Pereira Rosa, C7NEMA

“Nesta vertigem de contar histórias, onde jovens atores encenam a própria vida ou a sonham maior, Cláudia Varejão reinventa o filme adolescente queer, sem roteiro. Os estados de amor estão lá. E identidades flutuam como redes no mar.” Cl. F., Le Monde

“Um filme absolutamente essencial, do qual é impossível sair da mesma forma que se entrou.” Cátia Santos, Cinema Sétima Arte

“Combinando intensidade e graça, a cineasta portuguesa Cláudia Varejão segue o futuro a ser inventado por adolescentes açorianos, entre tradições familiares e comunidade LGBTQIA+.” Luc Chessel, Libération

“Áspera como Pialat, evanescente como Jarman.” Xavier Leherpeur, L'Obs

“Entre o documentário e a ficção, o filme é visto como um fascinante e melancólico mergulho na vida de uma jovem em busca de sua identidade.” Margherita Gera, Les Fiches du Cinéma

“Maravilhosamente filmado por Rui Xavier, LOBO E CÃO parece uma narrativa observacional que eventualmente transcende um senso de neorrealismo para algo mais sublime.” Nicholas Bell, IONCINEMA.com

“A cineasta portuguesa Cláudia Varejão apresenta um longa-metragem poderoso e onírico, um retrato intransigente de uma geração que luta para existir.” Muriel Del Don, Cineuropa

“É um belo filme repleto de imagens impressionantes e abundância de emoção, que trabalha em conjunto com a imensa arte para criar algo verdadeiramente especial.” Matthew Joseph Jenner, International Cinephile Society

“Captura perfeitamente a pressa e a ambiguidade da vida adolescente.” Jennie Kermode, Eye for Film

“A realizadora portuense trabalhou com atores não profissionais para criar a sua primeira ficção. Uma história de "coming of age", com o amor e a ilha de São Miguel como personagens principais.” André Almeida Santos, Observador

 

EQUIPE E ELENCO

Direção e Roteiro: Cláudia Varejão

Elenco: Ana Cabral, Ruben Pimenta, Cristiana Branquinho, Marlene Cordeiro, João Tavares, Nuno Ferreira

Direção de Fotografia: Rui Xavier

Colaboração no Roteiro: Leda Cartum

Editor: João Braz

Som e Mixagem: Olivier Blanc, Hugo Leitão

Música: Xinobi

Produtor: João Matos e Jérôme Blesson

Produção: Terratreme Filmes

Coprodução: La Belle Affaire Productions

 

FICHA TÉCNICA

Título: Lobo e Cão

País: Portugal e França

Duração: 111 min.

Ano: 2022

Gênero: Drama

Classificação: A14

Data de Estreia em Cinemas Selecionados: 7 de Setembro de 2023

Fotos em alta: https://we.tl/t-qk55B3pDTr

BIOGRAFIA | CLÁUDIA VAREJÃO

Nasceu em Porto, Portugal, em 1980. Cláudia Varejão frequentou o programa de criatividade e criação artística da Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e a Academia Internacional de Cinema de São Paulo. Paralelamente ao trabalho de diretora, Cláudia também é fotógrafa e professora convidada do AR.CO e da Universidade Católica do Porto. Os filmes de Cláudia foram selecionados e premiados nos mais prestigiados festivais de cinema, incluindo Locarno, Rotterdam, Nyon (Visions du Réel), Paris (Cinéma du Réel), Karlovy Vary e Art of the Real – Lincoln Center, entre muitos outros. “Lobo e Cão” é seu primeiro longa-metragem de ficção.

 


Este conteúdo foi distribuído pela plataforma SALA DA NOTÍCIA e elaborado/criado pelo Assessor(a):
U | U
U

Notícias Relacionadas »
Quer anunciar e
posicionar melhor
sua marca?
Clique para
divulgar já!🤝
Atendimento
Fale conosco pelo WhatsApp agora!